segunda-feira, 18 de fevereiro de 2008

Meu "Encontro" com Madonna!


Faz alguns dias... lembro-me de maneira meio distante e um tanto imprecisa, mas foi intenso e deveras significativo...

Estávamos na sala de estar da casa onde ainda moram meus irmãos e minha mãe, sentadas, uma à frente da outra conversando naturalmente...

Ela estava hospedada há alguns dias em minha "antiga" casa, então decidi ir até lá, vê-la e aproveitar tal visita para contar-lhe cousas que eu julgava importantes que ela soubesse sobre mim...

Para meu total espanto, me fiz entender falando em perfeito inglês... É fato que compreendo o que as pessoas falam (desde que seja bem devagar) e escrevem, porém nunca consigo responder na citada língua que não de minha Pátria...





Ela me ouvia atentamente e me falou dos motivos que a trouxeram à Vitória de Santo Antão (minha cidade natal)... não lembro muito bem quais foram, entretanto, o mais importante para mim naquele momento era dizer-lhe o quanto ela foi importante em minha vida, hoje em dia nem tanto, mas, minha admiração por ela continua intacta...

Foi com ela que aprendi a ser mais livre e descobri que meu corpo poderia existir em algum momento, não havia só o cérebro, mas também, pernas, braços, pés, costas, tórax, enfim, nada além ou aquém de qualquer pessoa "normal"... Em apenas breves ou às vezes longos instantes de êxtase, tive o prazer de não me sentir alienígena em meu próprio corpo... de sentir e transmitir tais sensações em movimentos, transformar fúria em ritmo, repressão em cadência fluente... Fluir... Ser... Perceber mesmo sem ainda saber, que eu poderia ir bem mais longe do que jamais imaginei...



Tudo isso resumi para ela em poucas palavras, em inglês, aqui traduzidas: "eu danço desde os 7 anos e eu aprendi a dançar vendo você"... Ela ficou um tanto absorta e não disse nada em resposta, era mais do que suficiente para um "simples" sonho...



6 comentários:

NILZA disse...

Elis,
Hoje, você tá inspirada, hein, amiga?!
Beijos, Nilza.

Anônimo disse...

Ahhhhhhhh, Nilza... Obrigada:)
Beijos, Elis...

Anônimo disse...

tá cheirando de novo?

Anônimo disse...

Eu não e vc está?
Elisangela

Cleber disse...

Essa é a Bezulinha Mumi da minha vida!!!Tão potente,tão revolucionariamente sexy e cult como a Madonna!!!Hhehehe!!Continue assim amor!!Cheia inspiração!!!Bjinhosssssssssss!!!

Bezulinha disse...

niiiiiayiiiiiiiiiihhhh