quinta-feira, 1 de novembro de 2007

Minha vida está muito...

... blá... esses últimos dias para ser relatada qualquer cousa que seja... por isso menos postagens e tals...

A última novidade cinéfilica: fui assistir ao filme Superbad (só por causa de você Fernando, viu?!) e para grande surpresa de muitos e inclusive minha, gostei pra caramba, fazia tempo que não dava tantas risadas 'histéricas' num cinema, me contorcia na cadeira... deu até dor de tanto rir...

Pois é, o filme é misoginia demais até pra quem é machista... imaginem isso... e eu lá dando risada...

Pensei: se é assim mesmo, vou rir disso... e mais.... como aqueles garotos são dependentes das mulheres! como todos os homens, enfim... os gays dirão que não... e quanto às suas mães?... é, não dá para negar no fim de tudo que dependência demais sempre gera um tipo de ódio qualquer... rebeldia em relação às mães... sadismo puro e aviltante em relação a mulheres em geral... isso pode até ser bem engraçado - NO FILME - mas, ter um pouquinho que seja de consciência da violência implícita e explícita seria o mínimo para alguém que se acha um Ser Humano...

Então vão lá dá risada, mas saindo do cinema não se esqueçam que mais respeito e entendimento entre todos dá muito mais certo na vida que deveria ser vivida de maneira REAL!

Olhem aí as criaturas...

Da esquerda para a direita...

Michael Cera (Evan) Jonah Hill (Seth) Christopher Mintz-Plasse (Fogell/McLovin)



P.S.1 Os policiais do filme são os mais engraçados que já vi na minha vida ou pelo menos que eu me lembre! é doidice demais!!!

P.S.2 Ahhh no final eu chorei... bom pra caramba!

3 comentários:

Cleber disse...

Puxa!!Não imaginaria que vc iria se afogar entre suas risadas com esse filme,pois eu deveria rir ao seu lado ao mesmo tempo lembrando do meu passado frustrado e conturbado olhando para vc obtendo a dígna consciência de não ter mais dependência esseciva em certas coisas!!

Anônimo disse...

OLA. NAO ME CONHECES... AINDA BEM. A DONA DOS PENSAMENTOS NUNCA MENCIONA OS CLASSICOS. TALVEZ POR ISTO ADMIRAS TEUS IRMAOS, VEJA MEU COMENTARIO SOBRE VOLTAIRE. AH... FILMES BARATOS PARA O POPULACHO RIR ENCONTRAMOS EM TODAS AS ESQUINAS,RUINS COMO PRODUTOS DE CAMELOS,FEDOSOS COMO AS URINAS DEPOIS DOS FINAIS DE SEMANA. O PRIMEIRO COMENTARISTA NADA DIZ, SIMPLESMENTE. FAREI ALGO DE BOM, SAIREI DAQUI.

Elisangela disse...

Rapaazzz ou moça!
Ainda bem que fizeste algo de bom em algum momento...
Se esconder no termo "vago" anônimo é tão "apropriado", não é?!